16/10/2017 às 16h55min - Atualizada em 16/10/2017 às 16h55min

CACAU FILHO O POLÍTICO ANTIDEMOCRÁTICO QUE QUER CALAR O REPÓRTER MIRIM

JORNALISMO É PUBLICAR ALGO QUE ALGUÉM NÃO QUER QUE SEJA PUBLICADO; TODO O RESTO É PUBLICIDADE!

- By Redação
NÃO A CENSURA

 

QUEREM NOS CALAR!

 

Os bastidores da política fedem – onde aperta sai pus - numa tentativa desesperada de querer calar a imprensa – que faz duras críticas a gestão e ao governo irresponsável do prefeito Cláudio Roberto Ayres Costa – “Cacalito” - esse tentou calar o proprietário do portal de notícias www.reportermirim.com.br – tentando acordos espúrios- por sua vez Devis Klinger Menezes – tarimbado – experiente jurista – deu corda a Cacau Filho alimentando sua estratégia de querer calar o site, através da oferta de benefícios , digamos assim, sem escrúpulos, primeiro através do seu secretário de comunicação Lininho Novais – fato este que deverá ser comprovado através de provas robustas e testemunhais – gravações externas – fotos – vídeos e todos os meios de prova admitidos em Lei - da tentativa de frustrada de assediar o dono do site – depois através do seu então Super Secretário Municipal de Governo - Luciano Vasconcelos - chamado nos bastidores políticos de 1º Ministro de Marechal.

 

Dêvis Klinger, por sua vez foi dando corda aos emissários de Cacau Filho, e quando estava prestes a embasar o flagrante – e conseguir o furo jornalístico dos sonhos de qualquer veículo de comuncação - Cacau Filho mandou seus interlocutores recuarem, pois estava muito desconfiado da arapuca que iria cair, pois bem, mas a moral do governo já estava toda comprometida, as propostas, sem escrúpulos, previam vantagens e compra do referido site.

 

Como não conseguiu calar o repórter do site, que desenvolve um trabalho sério, com várias provas do que é publicado por sua equipe, resolveu partir para o contra-ataque envolvendo o filho do repórter e da jornalista por formação que também integra a equipe de redação do site, com publicações de matérias no site de aluguel “TEMNOTICIAS”, e depois através do próprio Luciano e do seu atual Secretário de Governo Henrique Mousinho, com ameaças veladas de que Cacau Filho iria propor e ajuizar várias queixas-crime contra o repórter, pois tinha um corpo jurídico poderoso, palavras do Luciano Vasconcelos.

 

Na proposta indecente – Klinger - usaria sua inteligência e sua experiência para atacar Júnior Dâmaso e Cristiano Matheus desafetos políticos de Cacau Filho, com isso indicaria nomes no governo, com valores do tipo da Comadre, aquela mesmo - que Cacau resolveu exonerar com data retroativa, isso já está sendo apurado pelo órgão competente.

 

 

CACAU FILHO OFERECE QUEIXA-CRIME PARA INTIMIDAR O SITE REPÓRTER MIRIM

 

 

No dia 10/10/2017, o repórter mirim mandou um recado para três secretários, agradecendo pela boa intenção dos secretários em quererem “ que Klinger integrasse a equipe de governo”, mas retornaria as atividades, combatendo o bom combate – enfrentando – de cabeça erguida – a estrutura jurídica e a caneta do prefeito, porém, em retaliação, no dia 11/10/2017, CACAU FILHO, começa a cumprir as ameaças veladas de outrora, oferecendo uma queixa-crime distribuída para 1ª Vara Cível e Criminal de Marechal Deodoro, através da advogada Patricia dos Santos, processo nº 0701179-66.2017.8.02.0044, em uma postura ditatorial, até porque quem não tem escrúpulos não é o dono do site e sim a turma de recado do prefeito.

 

 

DEVIS KLINGER TRANQUILIZA A POPULAÇÃO DE BEM DE MARECHAL DEODORO

 

 

 

1- Não recuaremos em nenhum momento, a questão foge do jornalismo, e entra em uma seara política, iremos promover a maior varredura que um governo já teve, seremos um calo fiscal nas contas públicas da Prefeitura, se roubarem vão pra cadeia.

 

2- Não fugiremos a luta - somos bom de briga - o governo almofadinha não vai nos intimidar, o povo tem um forte aliado, não precisamos das migalhas de Cacau Filho para sobreviver, somos independentes.

 

3- Nosso site, não tem um centavo público e queremos que continue assim, quando Cacau, mandou saber quanto queríamos para promover o governo dele fizemos uma trollagem com o “cara irresponsável”, dissemos que um banner bem pequeno no nosso portal seria R$5.000,00(cinco mil reais) mensais, eles disseram que não tinha como justificar, e nós rimos e muito, porque o governo almofadinha achava que estávamos a venda, e retrucaram afirmando que nem os maiores sites cobrariam isso em um pequeno banner.

 

4- Aqui corrupção não tem vez – iremos combater o bom combate e quem for podre que se quebre.

 

5- Não negociamos quando o assunto é moralidade pública! retrucou o repórter.

 

 

Em tempo: Liberdade de expressão é o direito de qualquer indivíduo manifestar, livremente, opiniões, ideias e pensamentos pessoais sem medo de retaliação ou censura por parte do governo ou de outros membros da sociedade. É um conceito fundamental nas democracias modernas nas quais a censura não tem respaldo moral.

 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Na sua opinião, o prefeito Cacau Filho, até o momento está sendo:

24.1%
5.1%
1.3%
9.0%
59.8%
0.6%