18/09/2017 às 17h16min - Atualizada em 18/09/2017 às 17h16min

A SAGA DE UM DEODORENSE

TRATA-SE APENAS DE UM TEXTO DE FICÇÃO – QUALQUER SEMELHANÇA É MERA COINCIDÊNCIA

- Repórter Mirim

José era um cidadão comum, natural de Marechal Deodoro-AL, envolvido com as questões sociais de sua comunidade, sem perceber, tornou-se uma liderança legítima – digo - legítima – pois não precisava comprar ninguém para ter representatividade ou cargos na vida pública. José e seus familiares tinham um sonho – o de realmente nascer uma nova Marechal – um governo que reconheça as qualidades do seu povo – que nutra e renove a esperança tão apagada – que encoraje cada deodorense a perseverar sempre – que aplique e adote os discursos de campanha – que abomine a truculência – que afaste a arrogância – que saiba escutar o seu povo – que aceite críticas construtivas .

 

Acontece que o governo tenta descredenciar quem não reza em sua cartilha, quem não aceita migalhas, e tem os - edis - que adotam a mesma postura do governante - que arrotam moralidade - mas têm a mesma postura dos demais, digamos, uma mão suja a outra.

 

Digamos – por ora – que o que digitamos – seria apenas a saga de um cidadão honesto, que perdeu a confiança nos políticos, até porque, nada se faz, nada muda, saiu 1(um), entrou outro pior.

 

Até porque o verdadeiro líder político promove sua comunidade e, por vezes, faz as pessoas sentirem que o seu bairro é o melhor para se viver e construir a sua família. Ele trabalha sempre para que cada morador se sinta valorizado e ele faça a diferença no seu bairro. Quando isso acontece, as pessoas se sentem valorizadas.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Na sua opinião, o prefeito Cacau Filho, até o momento está sendo:

24.1%
5.1%
1.3%
9.0%
59.8%
0.6%