27/01/2022 às 09h15min - Atualizada em 27/01/2022 às 09h15min

Morre a cantora gospel e pastora Ludmila Ferber, de 56 anos

Uma das cantoras gospel mais ouvidas do Brasil, a pastora Ludmila Ferber morreu na noite de quarta-feira, 26 de janeiro, aos 56 anos. Desde 2018 ela lutava contra o câncer nos pulmões. A doença acabou se espalhando para outros órgãos do corpo, apresentando quadro de metástase, e ela não resistiu.

Em março de 2021, Ludmila Ferber revelou em um post nas redes sociais, que teve um aumento de células cancerígenas no fígado e precisou suspender a quimioterapia para iniciar um novo tratamento.
 

“Hoje começ̧o um novo processo no caminho do milagre. Por conta do aumento das células cancerígenas no fígado, precisei suspender totalmente a quimioterapia que estava tomando já há dois anos, e buscar um novo tratamento. Enfim, para a glória de Deus, eis me aqui neste primeiro dia de uma nova experiência, lutando contra o câncer, e crendo e declarando a vitória sobre este gigante! Afinal, Deus vem operando maravilhas em todos os dias desta jornada”, contou na ocasião.

Veja +: Cantor gospel Irmão Lázaro não resistiu aos efeitos da Covid-19

Em 2019, a cantora chegou a ir até as redes sociais desmentir a fake news sobre sua morte: “Estou VIVA pra glória de Deus. Cada dia, uma vitória. Um passo a mais no caminho do milagre certeiro. Continuem orando por minha vida, preciosos intercessores”, escreveu.
A última publicação de Ferber em seu perfil no Instagram foi feita há dois dias: “Quando tudo parece estranho ao redor, buscar tua face é preciso, Deus. Quando a gente não sabe o que está ocorrendo, buscar tua face é preciso, Deus. Quando a fúria dos ventos vem contra nós, e a vontade é sumir e calar a voz, é nessa hora que a gente precisa lutar e jamais desistir. Justamente agora é o momento de se humilhar e buscar a face de Deus“, escreveu.
Entre os maiores sucessos da carreira de Ludmila estão as canções “Sonhos de Deus” e “Nunca Pare de Lutar”. Marília Mendonça, que morreu em novembro do ano passado em u trágico acidente aéreo, era fã da cantora gospel. Ludmila Ferber era pastora e deixa três filhas que teve com o também pastor José Antonio Lino, de quem se divorciou em 2014.

 

PASTORA DESISTIU DO TRATAMENTO

Em junho de 2021, Ludmila Ferber contou e suas redes sociais que estava suspendendo o quarto tratamento por ineficácia. Ela afirmou que após dois ciclos desse tratamento, as células afetadas continuavam avançando.

Na época, a cantora afirmou que não recebia a notícia com tristeza, mas com fé. Ela chegou a mencionar que o quinto tratamento seria iniciado em breve e que essa fase exigiria muitos cuidados. A artista citou um trecho de uma das suas músicas: “Não desista, não pare de crer”.










www.ofuxico.com.br


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Na sua opinião, o prefeito Cacau Filho, até o momento está sendo:

24.2%
5.0%
1.2%
8.7%
59.9%
0.9%