26/02/2021 às 15h22min - Atualizada em 26/02/2021 às 15h22min

Menino de 06 anos morre em hospital após ser internado com braço quebrado

Por Redação/Já é Notícia
Morreu ao dar entrada com braço quebrado - Foto: Redes sociais

Um menino de 06 anos, identificado como Saimon Gabriel Freitas Neri da Costa, morreu no último sábado, 20, após ser internado com o braço quebrado, em uma unidade hospitalar, em Manicoré (Amazonas).

Segundo a mãe do menino, Sandy Freitas, ele morreu após receber quatro anestesias, para enfaixar o braço. Sandy Freitas fez um boletim de ocorrência e diz que ingressará com uma ação judicial.

Saimon Gabriel Freitas deu entrada no hospital Dr. Hamilton Cidade, na quinta-feira, 18, quando caiu de moto com o pai, que também se internou. O menino fraturou o braço, por isso precisou ser hospitalizado. Apesar da internação no dia 18, o braço do menino só teve o braço imobilizado no sábado. Segundo Sandy, a criança só foi levada para enfaixar o braço às 21h30 do sábado.

"Eu tinha ido pegar água para o meu marido, quando vi que eles levavam o meu filho na maca. E aí ele gritou por mim: 'Mamãe, mamãe!'. Eu pedi para ele se acalmar que era o procedimento para ajeitar o bracinho dele e que logo ele estaria de volta. Pedi para o médico deixar eu entrar na sala de procedimentos para acalmar meu filho e ele permitiu", contou.

Dentro da sala, o médico teria aplicado três anestesias locais, mas ao ver que o menino continuava acordado, ele aplicou uma quarta anestesia, desta vez geral. "Vi o pezinho dele ficar branco, branco. Depois toquei no coração dele, senti ficando fraco e quando eu falei para o médico, ele verificou que a boca dele estava ficando roxa e aí começou a fazer uma massagem para tentar reanimá-lo", contou.

Posteriormente, o menino foi levado para outra sala, onde foi intubado. As 22h30, os médicos informaram que o menino faleceu. "Meu filho era um menino alegre. Todo mundo o conhecia. Pode vir aqui e perguntar. As enfermeiras que o atenderam sempre o viam radiante, feliz, confiante que tudo ia dar certo", desabafou. "Eu quero justiça pelo meu filho. Meu filho merece justiça".

A Secretaria de Saúde do Amazonas informou que entrou em contato com a Secretaria Municipal de Saúde de Manicoré, responsável pelo hospital, para apurar as circunstância do atendimento. A Secretaria da Saúde de Manicoré informou ao governo do estado que instaurou uma comissão para avaliar a conduta do médico. A Secretaria da Saúde do estado diz que vai acompanhar o processo.

O caso também está sendo investigado pelo Ministério Público do Estado.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Na sua opinião, o prefeito Cacau Filho, até o momento está sendo:

23.7%
5.1%
1.3%
8.9%
60.1%
0.9%