13/06/2022 às 10h13min - Atualizada em 13/06/2022 às 10h13min

Desenvolvimento Sustentável participa de mutirão de limpeza no Jaraguá

Ação marca encerramento do projeto 'Praia 10, Lixo Zero' e contou com a participação de mais de 100 voluntários

 

A Superintendência Municipal de Desenvolvimento (Sudes) participou de um mutirão de limpeza na orla marítima de Jaraguá, em Maceió. A ação aconteceu neste domingo (12) e encerrou a campanha ‘Praia 10, Lixo Zero', que tem como objetivo conscientizar sobre a importância de recolher corretamente o lixo produzido nas praias.

 
Resíduos foram descartados de forma irregular na praia. Foto: Célio Junior/Secom Maceió

Resíduos foram descartados de forma irregular na praia. Foto: Célio Junior/Secom Maceió

Resíduos foram descartados de forma irregular na praia. Foto: Célio Junior/Secom Maceió

Na ocasião, cerca de 100 voluntários e colaboradores da Sudes, percorreram a orla recolhendo o lixo, além de realizar a conscientização para que a população recolha o seu lixo, entregando sacolas biodegradáveis na Rua Aberta, no bairro de Ponta Verde. A atividade contou com a participação de agentes da Marinha do Brasil.

 
Atividade contou com participação de mais de 100 voluntários. Foto: Célio Junior/Secom Maceió

Atividade contou com participação de mais de 100 voluntários. Foto: Célio Junior/Secom Maceió

Atividade contou com participação de mais de 100 voluntários. Foto: Célio Junior/Secom Maceió

“Ações que incentivam a educação ambiental e conscientização são extremamente necessárias para a sociedade, visto que ajudam a sensibilizar a população de uma maneira mais efetiva”, disse a diretora de Planejamento e Serviços Especiais da Sudes, Kedyna Tavares.

 
Participantes ajudaram a preservar o meio ambiente. Foto: Célio Junior/Secom Maceió

Participantes ajudaram a preservar o meio ambiente. Foto: Célio Junior/Secom Maceió

Participantes ajudaram a preservar o meio ambiente. Foto: Célio Junior/Secom Maceió

“Quando a gente vem aqui, monta uma estrutura, faz um mutirão e mostra na prática que conseguimos alcançar muito mais pessoas no nosso objetivo que é preservar o nosso meio ambiente”, completou.

Eduardo Carvalho aproveitou a ocasião e levou o filho para colocar a mão na massa e aprender de perto como cuidar da limpeza das praias. Segundo ele, o objetivo é que ele ensine aos irmão e colegas de escola o que vivenciou durante o mutirão.

“Sabemos que quanto menos lixo, melhor. Mas nem sempre, nós, na nossa vida adulta, praticamos o descarte correto de resíduos, por isso, vi nesse evento a oportunidade do meu filho ver de perto, observar toda essa equipe recolhendo e separando o lixo, para que ele possa passar o que aprendeu aqui para os irmão e colegas, e assim que possamos ter uma geração mais consciente do que a nossa”, destacou.

 
Diversos tipos de resíduos sólidos foram encontrados na área. Foto: Célio Junior/Secom Maceió

Diversos tipos de resíduos sólidos foram encontrados na área. Foto: Célio Junior/Secom Maceió

Diversos tipos de resíduos sólidos foram encontrados na área. Foto: Célio Junior/Secom Maceió

De acordo com os registros da Sudes, de janeiro até a metade do mês de maio de 2022, foram retiradas mais de 4.500 toneladas de resíduos na faixa de praia.

 
Voluntária utilizou artigos retirados do lixo para fazer brinquedo. Foto: Célio Junior/Secom Maceió

Voluntária utilizou artigos retirados do lixo para fazer brinquedo. Foto: Célio Junior/Secom Maceió

Voluntária utilizou artigos retirados do lixo para fazer brinquedo. Foto: Célio Junior/Secom Maceió

Alair Vilas Boas descobriu uma forma de destinar o que para muitos é apenas lixo. Com tampas de garrafas e desodorantes, embalagem de iogurte e criatividade, ela constrói brinquedos para as crianças.

"Eu vi um rapaz fazendo esses bonecos para as crianças do bairro e achei muito legal, por isso hoje eu ensino as pessoas e estou sempre fabricando esses brinquedos e doando para instituições, escolas e filhos de amigos. É uma forma de reciclar e também mostrar que é possível reaproveitar o lixo." contou.

 
Ação contou com distribuição de sacolas biodegradáveis. Foto: Célio Junior/Secom Maceió

Ação contou com distribuição de sacolas biodegradáveis. Foto: Célio Junior/Secom Maceió

Ação contou com distribuição de sacolas biodegradáveis. Foto: Célio Junior/Secom Maceió

A coordenadora de Supervisão de Cooperativas e Recicláveis da Superintendência de Desenvolvimento Sustentável (Sudes), Virgínia Lucena, reforçou que todo esse lixo pode acabar sendo ingerido por animais sendo assim uma ameaça à biodiversidade marinha da Terra.

“Esses resíduos descartados aqui além de poluir o meio ambiente, com certeza será ingerido por algum animal marinho levando ele a óbito. Por isso pedimos que a população se sinta parte disso e responsável pela limpeza do meio ambiente”, pontuou.





















secommaceio


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »