12/03/2022 às 18h33min - Atualizada em 12/03/2022 às 18h33min

Pilar se transforma na capital alagoana da cultura neste sábado

Pilar vai se transformar na capital alagoana da cultura. É que, neste sábado, a partir das 8h, o Cine Pilarense será palco de um grande encontro envolvendo mestres da cultura popular de várias regiões do estado (confira, abaixo, a programação completa).

O “2º Encontrão dos Mestres da Cultura Popular e Artesanato de Alagoas – De Arthur a Edivar: 150 anos de Cultura no Pilar” é uma promoção do Fórum Permanente da Cultura Popular e Artesanato de Alagoas (Focuarte) e conta com o apoio da Prefeitura do Pilar.

O evento também faz parte das comemorações dos 150 anos de emancipação política da cidade do Pilar, cuja programação já está definida, com o prefeito Renato Filho entregando vários equipamentos públicos à população na próxima quarta-feira (16).

O encontro será aberto com um arrastão dos blocos Leão de Aço e Caçadores, seguido de apresentação do grupo Afro Ginga. Na sequência, será a vez da entrega do prêmio Mestre Bumba a Edivar Vicente Feitosa, personagem do Guerreiro Alagoano que ficou conhecido como “treme treme pilarense”. Mestre Edivar, inclusive, já recebeu a comenda Ledo Ivo – honraria proposta pela deputada Fátima Canuto –, intitulando o evento que também homenageia outro ilustre pilarense, o médico e antropólogo Arthur Ramos.

Durante o encontro também haverá o lançamento do hino dos 150 anos do Pilar, além de uma roda de conversa para debater políticas públicas em favor da cultura alagoana. O evento contará, ainda, com a apresentação do grupo de forró do Mestre Elias Fortunato, além do Pastoril de Homens de São Miguel dos Milagres, entre outras atrações, encerrando-se com um passeio, já no final da tarde, pelos pontos turísticos do Pilar.

Produtor cultural, Marcus Assunção enaltece o alcance da iniciativa. “Ainda somos carentes de programações dessa natureza na capital e interior, apesar de Alagoas se destacar como o estado mais rico em grupos folclóricos do Brasil, de modo que muita gente ainda não conhece sua própria história. Trata-se, portanto, de um evento maravilhoso”, afirma Assunção.

Para o prefeito Renato Filho, o encontro é mais uma demonstração de que Pilar também se destaca por seu valor artístico e cultural.

“Nós reabrimos o Cine Pilarense, que esteve fechado por mais de trinta anos, e recuperamos a Casa da Cultura Arthur Ramos, que será entregue na próxima semana, sempre apoiando o artista local. Além disso, recolocamos o Pilar, em definitivo, no mapa do turismo graças a investimentos como o Alto do Santo Cruzeiro. Ou seja, também exploramos as belezas naturais para atrair mais visitantes, gerar emprego e potencializar o desenvolvimento da nossa cidade”, conta Renato Filho.

 

 

 

 

 

 

Ascom Pilar 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Na sua opinião, o prefeito Cacau Filho, até o momento está sendo:

24.2%
5.0%
1.2%
8.7%
59.9%
0.9%