26/01/2022 às 10h51min - Atualizada em 26/01/2022 às 10h51min

Pilar bate recorde de aprovação no ano letivo de 2021

O município saltou de 5,9 mil, em 2017, para 8 mil alunos matriculados na rede pública municipal.

Não há desenvolvimento sem investir em educação pública e de qualidade. Este é o lema da Prefeitura do Pilar, que obteve mais uma grande vitória. Isso porque 99,1% dos alunos do 1º ao 5º ano foram aprovados no ano letivo de 2021. Isso representa o maior índice dos últimos 10 anos na rede municipal de ensino.

Já entre os alunos do 6º ao 9º ano, o índice foi ainda maior, alcançando quase 99%. E para entender o que levou o município a conquistar um resultado tão expressivo, basta conferir o processo de modernização de toda a rede, que passa pela garantia de condições de trabalho e permanente valorização do servidor.

Pilar, inclusive, saltou de 5,9 mil, em 2017, para os atuais 8 mil alunos matriculados, como explica o secretário de Educação, Clewinho Cavalcante.
 

– Nós fomos o primeiro Município a retomar as aulas presenciais em Alagoas, no dia 05 de março. E para superar os impactos da pandemia, iniciamos um grande projeto de recuperação da aprendizagem, com reforço escolar no contraturno e o engajamento de toda a equipe de profissionais da Educação – conta o secretário.

Paralelamente, a Prefeitura também providenciou o pagamento de progressões que se encontravam pendentes, bem como de gratificação por produtividade, além do 14º salário. E o reflexo de tamanha preocupação com os alunos é visível. Basta percorrer uma das escolas que, para auxiliar os pais de alunos que não têm 

com quem deixar seus filhos enquanto trabalham, seguem abertas neste mês de janeiro.

Prefeito do Pilar, Renato Filho (PSC), destaca também a oferta de internet e a distribuição de chromebooks para os alunos da rede pública. O município, inclusive, foi o primeiro do Nordeste a adotar a plataforma Google for Education.

– O Município não tinha dinheiro sequer para pagar toda a folha de pessoal. Ou seja, não sobrava nada para investimento. Mas, graças ao empenho de toda a equipe, organizamos as finanças e conseguimos fazer com que nossa rede crescesse mais de 30% mesmo em meio a uma pandemia. Temos, inclusive, comprado escolas particulares para ampliar vagas – afirma o gestor.

Por meio de uma busca ativa, a Prefeitura também passou a contemplar, inclusive, os pais dos alunos que desistiram de estudar ou simplesmente nunca frequentaram uma sala de aula.

– Conseguimos combater o analfabetismo e melhorar a vida das pessoas com iniciativas como o Bolsa Viva Bem Bolsa Viva Bem [programa de transferência de renda direta para famílias de baixa renda]. Além disso, já são três novas escolas construídas e tantas outras reformadas. E não para por aqui. Em fevereiro, vamos inaugurar também a primeira escola pública bilíngue do Pilar e do Brasil – destaca Renato Filho.

Matrículas abertas

E seguem abertas as matrículas para o ano letivo de 2022, que começa em 21 de fevereiro. As inscrições para as crianças com idade entre seis meses e cinco anos podem ser feitas sempre das 8h às 16h, na Escola Vereador Washington Maia, no Conjunto Cachoeira do Imburí, na Chã do Pilar, cuja comunidade terá 200 novas vagas.

– Isso é resultado do nosso esforço em fazer com que o aluno estude, em horário integral, perto de casa, e com direito a kit escolar completo, fardamento, material esportivo e merenda de qualidade. Por sinal, garantir todas as refeições do dia às nossas crianças foi um dos motivos pelos quais mantivemos as escolas do Pilar abertas também durante as férias – reforça o prefeito









br104.com.br

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Na sua opinião, o prefeito Cacau Filho, até o momento está sendo:

24.2%
5.0%
1.2%
8.7%
59.9%
0.9%