18/01/2022 às 08h14min - Atualizada em 18/01/2022 às 08h14min

Ao tentar salvar cães, mulher morre afogada por tsunami em Tonga

Uma britânica morreu afogada após ser arrastada pelo tsunami que atingiu Tonga, na Polinésia, nesse sábado (15/1). De acordo com familiares, ela tentava desesperadamente resgatar cães com o marido quando ondas enormes atingiram a ilha. Angela Glover, de 50 anos, morava no local desde 2015. Em Sussex, na Inglaterra, o irmão dela, Nick Eleini, afirmou ao jornal Mirror que a mulher administrava um santuário de cães na capital de Tonga, Nuku’alofa.

A ilha foi atingida por ondas enormes na costa Oeste de Tongatapu, a principal ilha do país. Angela e o marido, James, caminhavam com quatro ou cinco cães quando foram surpreendidos. Segundo Nick Eleini, James conseguiu sobreviver ao se agarrar a uma árvore. Ele teria entrado em contato com a polícia e a embaixada britânica depois que sua esposa não voltou para casa. Um dos cães foi encontrado momentos depois. O corpo da mulher foi localizado pelas equipes de emergência em seguida. Os demais cães não foram localizados.
Pouco antes do tsunami, Angela chegou a postar no Instagram uma foto do céu vermelho após a erupção. “Estivemos sob alertas de tsunami hoje… Está tudo bem… Algumas ondas… Alguns silêncios assustadores”, escreveu. A família ficou devastada com a tragédia. “Ela sempre quis nadar com baleias – essa era uma ambição de infância e foi isso que a levou a Tonga, mas ela amava sua vida lá e estamos muito orgulhosos de suas conquistas em Tonga com ela e James começando um negócio e criando uma vida há seu trabalho de caridade com a Tonga Animal Welfare Society. Ela estava tão comprometida com isso”, afirmou o irmão.












Metrópoles


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Na sua opinião, o prefeito Cacau Filho, até o momento está sendo:

24.2%
5.0%
1.2%
8.7%
59.9%
0.9%