18/12/2021 às 09h12min - Atualizada em 18/12/2021 às 09h12min

Em 2021, Saúde avançou na promoção do cuidado com a população de Maceió

Destaque nacional com logística de vacinação contra a Covid-19, a Secretaria Municipal de Saúde atuou este ano com horário estendido até as 21h em todos os Distritos Sanitários da capital

Transparência e pioneirismo marcam o primeiro ano de trabalho da gestão JHC na Saúde de Maceió. Iniciado com o desafio de vacinar a população contra a Covid-19, o trabalho começou com o reforço de pessoal e estruturação da logística de atendimento adequado à vacinação contra a Covid-19.

O trabalho intenso da Vigilância Sanitária de Maceió foi destaque durante todo o ano, retirando de circulação mais de 70 toneladas de alimentos impróprios para o consumo humano e capacitando milhares de profissionais de estabelecimentos de comerciais e da indústria de alimentos para adequação dos procedimentos às normas sanitárias, assegurando a saúde da população.

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) também entregou unidades de saúde reformadas e reforçou as campanhas periódicas de combate à dengue, de fortalecimento do cuidado com a saúde da mulher, do homem e da criança, por meio de ações de incentivo à  realização de exames e ao aleitamento materno, entre outras práticas em benefício dos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS).
“Este foi um ano marcante e produtivo na Saúde de Maceió. Trabalhamos com compromisso e responsabilidade de todos os que compõem a Saúde de Maceió para prestar a melhor assistência possível aos usuários do SUS. Estamos finalizamos este primeiro ano da gestão do prefeito JHC com ações inovadoras e conquistas relevantes em benefício dos usuários do SUS. Estamos ajustando algumas práticas para o aperfeiçoamento da oferta de serviços, mas é com grande satisfação que encerramos este ano desafiador com mais de 80% da população imunizada com duas doses das vacinas contra a Covid-19 e com a implantação do Corujão da Saúde nos oito Distritos Sanitários de Maceió. Conseguimos executar as principais metas do primeiro ano desta gestão”, destaca a secretária de saúde de Maceió, Célia Fernandes.

 

Corujão da Saúde

Buscando ampliar o acesso da população de Maceió aos serviços oferecidos pelo SUS, oito Unidades de Saúde, uma por Distrito Sanitário, passam a funcionar em horário estendido. O projeto, chamado Corujão da Saúde, foi inaugurado no último dia 3 de dezembro pelo prefeito JHC e pela secretária Célia Fernandes, como parte das ações em comemoração aos 206 anos de Maceió. Além do horário normal durante o dia, as unidades também abrem das 17h às 21h. O Corujão da Saúde visa facilitar o acesso das pessoas que não podem se dirigir aos postos durante o dia para cuidar de sua saúde.

Durante os atendimentos em horário estendido, os usuários podem contar com serviços como consultas médicas, odontológicas e de enfermagem, além de outros procedimentos como citologia, pré-natal, testes rápidos para detectar HIV, Aids e Hepatites Virais, verificação de pressão e glicemia, puericultura (acompanhamento do desenvolvimento infantil), entre outros.

As Unidades que funcionam nesse modelo são a UBS Maria da Conceição Fonseca Paranhos (Jacarecica), UBS Tereza Barbosa (Eustáquio Gomes), UBS Hamilton Falcão (Benedito Bentes), UBS José Tenório (Serraria), UBS Durval Cortez (Prado), UBS Pitanguinha, UBS Osvaldo Brandão Vilela (Ponta da Terra) e UBS Antônio de Pádua (Pinheiro).

O agendamento para os atendimentos noturnos é feito nas próprias Unidades de Saúde, preferencialmente a partir das 17h. São disponibilizadas diariamente 16 vagas para consultas médicas e de enfermagem por unidade.

Ações de enfrentamento à Covid-19 - A Prefeitura de Maceió tem desenvolvido um trabalho intenso para garantir que cada vez mais pessoas concluam a vacinação contra o coronavírus. Ações de educação em saúde, investimento em modernos equipamentos, contratação de profissionais e aquisição de vacinas para todos os grupos prioritários fazem parte da vasta lista que compõe a atuação do órgão na luta contra a Covid-19.

Desde o início do ano, Maceió já colocou em prática medidas eficientes para o enfrentamento responsável da pandemia para garantir o fluxo de atendimento e agilidade na vacinação. Este trabalho levou a capital a pontuar em repetidas lideranças no ranking das capitais com maior eficiência vacinal, segundo o portal LocalizaSUS, do Ministério da Saúde.
 

Em outubro, Maceió avançou para a 5ª posição entre as capitais brasileiras com melhor desempenho no Índice de Transparência de Dados da Covid-19, segundo análise da Open Knowledge Brasil (OKBR). A plataforma ressaltou, em nota técnica, que Maceió teve o maior avanço entre as capitais, subindo do 14º para o 5º lugar no ranking da Transparência, por meio das informações disponibilizadas nos sites vacina.maceio.al.gov.br e covid19.maceio.al.gov.br.

Além de ser a primeira cidade da América Latina a receber o Ônibus da Vacina, unidade itinerante que levou 12 mil doses de vacinas à população em 30 pontos da capital, Maceió criou o Corujão da Vacina - iniciativa que ofertou vacinação até às 21h e muitas vezes até 24h aos maceioenses; vacinação por agendamento virtual; criação do portal Vacina Maceió e a ferramenta Filômetro, para monitoramento do fluxo nos pontos de vacinação, permitindo ao usuário escolher o que tivesse a menor fila.
A implantação do cartão de vacinação em braile e a aquisição de ultracongeladores para a Central Municipal de Rede de Frio, destinados ao armazenamento de vacinas, também estiveram entre os avanços da saúde para garantir maior eficácia e agilidade no fluxo vacinal, chegando ao início de dezembro com 90%. da população adulta com pelo menos uma dose e 82,95% da população imunizada com duas doses das vacinas contra a Covid-19.










secommaceio

 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Na sua opinião, o prefeito Cacau Filho, até o momento está sendo:

24.2%
5.0%
1.3%
8.8%
59.7%
0.9%