13/10/2017 às 16h39min - Atualizada em 13/10/2017 às 16h39min

CACAU FILHO O PREFEITO QUE GOSTA DE GASTAR COM PROPAGANDA

JÁ FORAM DESPERDIÇADOS MAIS DE R$ 1.359.650,93( um milhão, trezentos e cinquenta e nove mil, seiscentos e cinquenta reais e noventa e três centavos) - COM PROPAGANDA

- Jornalista Níria Freire
Lininho Novais - Secretário de Comunicação

Os deodorenses de raiz podem não se manifestar abertamente, por receio de represálias, mas com plena convicção cidadã, abominam as tentativas reiteradas do prefeito CACAU FILHO, em querer a todo custo evitar a grande rejeição popular que atravessa a sua gestão.

 

O município de Marechal Deodoro, enfretou uma das maiores enchentes já vistas na terra dos marechais, que causaram sofrimento a milhares de famílias – mas – para nossa surpresa – o atual gestor municipal ultrapassou todos os limites de bom senso em um momento como aquele – em vez de investir na recuperação do município Cláudio Ayres – promoveu festas – e ainda – utilizou verba pública com excesso de gastos em publicidade e propaganda do seu governo.

 

 

A GASTANÇA EM PROPAGANDA

 

 

Pois bem, o cidadão que sabe a dor de perder o seu lugarzinho – fica indignado – com tamanha falta de cautela e responsabilidade da prefeitura, estamos falando de R$ 1.359.650,93( um milhão, trezentos e cinquenta e nove mil, seiscentos e cinquenta reais e noventa e três centavos) – que em vez de fazer propaganda do governo poderiam ter sido investido em educação, saúde, saneamento básico, cultura, esporte ou na tão sofrida infraestrutura do município, ruas sem condições de mobilidade urbana.

 

Outro detalhe que nos chama atenção e revolta, pois além de jornalista, somos cidadãs e cidadãos, é que a farra publicitária milionária supera as despesas anuais de 10(dez) órgãos municipais, e chega perto de secretarias importantes.

 

Os gastos excessivos com publicidade poderão levar o atual prefeito a responder uma ação civil pública por ato de improbidade administrativa, ainda, que propaganda - dita - “institucional” - o gestor ultrapassa os limites da situação financeira do município.

 

Com certeza, já tá na hora do diligente representante do Ministério Público, propor ao Judiciário - um freio - em homenagem aos princípios constitucionais da razoabilidade e proporcionalidade nessas “propagandas” que, em regra, nada têm de informativas ou educativas – apenas – divulgam a peso de diamantes, repetitivamente, que se entregou isso ou aquilo. Nesses casos, onde ocorrem o interesse público?. Devemos enraizar a prática reiterada de moralidade com os recursos públicos.

 

SERÁ APRESENTADA PROPOSTA PARA LIMITAR GASTOS EXCESSIVOS DA PREFEITURA DE MARECHAL

 

O especialista em direito administrativo e processo penal Dêvis Klinger irá propor e apresentar a um grupo de vereadores, um projeto de lei que pretende limitar os gastos com publicidade oficial - por parte da prefeitura.

 

O volume aplicado em propagandas é exorbitante. O prefeito Cacau quando vereador denunciou tanto a gestão do ex-prefeito Cristiano Matheus, e vem gastando mais do que o ex-gestor, o pau que dá em Chico – na terra dos marechais – não dá em Francisco.

 

Apesar da credibilidade deste veículo de comunicação - para ilustramos melhor a matéria apresentamos os dados do órgão oficial do município, o levantamento feito por nosso núcleo de redação – constatou – os seguintes números :

 

 

 

 

DESPESAS COM A EMPRESA LABOX COMUNICAÇÃO ESTRATÉGICA LTDA-ME - CNPJ 11.653.365/0001-31

 

 

02/01/2017 – Labox comunicação – R$ 20.000,00

02/01/2017 – Labox comunicação – R$ 22.000,00

02/01/2017 – Labox comunicação – R$ 20.000,00

02/01/2017 – Labox comunicação – R$ 11.000,00

09/02/2017 – Labox comunicação – R$ 693,00

09/02/2017 – Labox comunicação – R$ 759,00

09/02/2017 – Labox comunicação – R$ 4.719,00

13/02/2017 – Labox comunicação – R$ 6.581,12

22/02/2017 – Labox comunicação – R$ 47.674,33

24/02/2017 – Labox comunicação – R$ 5.000,00

24/02/2017 – Labox comunicação – R$ 3.750,00

24/02/2017 – Labox comunicação – R$ 1.850,00

24/02/2017 – Labox comunicação – R$ 1.500,00

24/02/2017 – Labox comunicação – R$ 2.500,00

24/02/2017 – Labox comunicação – R$ 2.500,00

24/02/2017 – Labox comunicação – R$ 1.250,00

24/02/2017 – Labox comunicação – R$ 3.125,00

24/02/2017 – Labox comunicação – R$ 9.350,00

02/03/2017 – Labox comunicação – R$ 150.000,00

14/03/2017 – Labox comunicação – R$ 10.625,50

15/03/2017 – Labox comunicação – R$ 17.429,50

20/03/2017 – Labox comunicação – R$ 16.000,00

24/03/2017 – Labox comunicação – R$ 10.625,00

28/03/2017 – Labox comunicação – R$ 34.000,00

29/03/2017 – Labox comunicação – R$ 1.100,00

31/03/2017 – Labox comunicação – R$ 13.830,00

31/03/2017– Labox comunicação – R$ 3.000,00

31/03/2017 – Labox comunicação – R$ 3.000,00

31/03/2017– Labox comunicação – R$ 3.905,50

31/03/2017– Labox comunicação – R$ 1.250,00

31/03/2017– Labox comunicação – R$ 5.000,00

31/03/2017 – Labox comunicação – R$ 6.600,00

03/04/2017 – Labox comunicação – R$ 80.000,00

10/04/2017 – Labox comunicação – R$ 5.400,00

10/04/2017 – Labox comunicação – R$ 5.400,00

18/04/2017 – Labox comunicação – R$ 1.100,00

28/04/2017 – Labox comunicação – R$ 83.459,45

28/04/2017 – Labox comunicação – R$ 6.300,00

28/04/2017 – Labox comunicação – R$ 26.000,00

03/05/2017 – Labox comunicação – R$ 22.912,20

25/05/2017 – Labox comunicação – R$ 500.000,00(meio milhão de reais)

07/07/2017-Labox comunicação – R$ 5.000,00

 

 

DESPESAS COM A EMPRESA RADAR PUBLICIDADE LTDA-ME - CNPJ 04.168.239/0001-26

 

 

30/01/2017-Radar Publicidade– R$ 1.012,50

16/02/2017-Radar Publicidade– R$ 2.280,50

13/03/2017-Radar Publicidade– R$4.565,50

20/03/2017-Radar Publicidade– R$ 6.297,00

27/03/2017-Radar Publicidade– R$ 2.320,50

03/04/2017-Radar Publicidade– R$ 17.400,00

01/06/2017-Radar Publicidade– R$ 26.000,00

27/04/2017-Radar Publicidade– R$ 22.000,00

03/08/2017-Radar Publicidade– R$ 39.000,00

23/08/2017-Radar Publicidade– R$ 14.912,00

 

 

 

 

Com esses números não existe crise financeira em Marechal Deodoro – pois bem – o que existe é um prefeito perdido em uma cadeira que parece não tá a sua altura.

 

 

 

SECRETARIA ESPECIAL DE COMUNICAÇÃO

 

Já são gastos com a folha de pessoal da secretaria de comunicação - por ano - R$ 300.000,00 (trezentos mil reais), então, cá pra nós, é uma verdadeira tapa na cara da população os vexames que o prefeito vem causando, a imagem negativa de uma prefeitura supostamente desgovernada. A pasta tem como secretário o jornalista Lininho Novais.

 

Em tempo: tentamos contato com o secretário de governo Advogado Henrique Mousinho, mas este não atendeu a nossa ligação.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Na sua opinião, o prefeito Cacau Filho, até o momento está sendo:

24.1%
5.1%
1.3%
9.0%
59.8%
0.6%